Poesias

MINHA VIDA

Recebi de presente,
os anos vividos.
Sou madura na idade,
mas acalento um coração juvenil.
Persigo o desejo do amor maduro
e espero que ele se apresente,
despojado de vergonha,
e tenha a certeza
do querer eterno.

Neida Rocha
12/06/2016

 

 

Todos os direitos reservados a Neida Rocha. Os textos podem ser copiados, desde que citado o nome da autora

site desenvolvido pela wwsites - sites para escritores