Poesias

BUSCO A PAZ

Busco a Paz.
Quero encontrar a Paz.
Ligo o rádio, quero ouvir a Paz.
Ligo a televisão, quero ver a Paz.
Leio o jornal, quero saber a Paz.
Busco os amigos,
quero que eles me dêem a Paz.
Tudo são desculpas.
Busco a Paz fora de mim.
Tenho que entender
que a Paz não está fora de mim.
A Paz está dentro de mim.
A Paz começa comigo,
quando olho meu vizinho e dou um sorriso.
A Paz começa comigo,
quando beijo uma criança.
A Paz começa comigo,
quando então, respiro fundo e sinto o cheiro de ar.
A Paz começa comigo,
quando abraço o nada.
A Paz começa comigo,
quando lembro do passado com carinho.
A Paz começa comigo,
quando projeto meus sonhos.
A Paz começa comigo,
quando vivo o presente,
sem rancor do passado
e sem falsas esperanças no futuro.
A Paz está dentro de mim.


16/04/2011

 

 

Todos os direitos reservados a Neida Rocha. Os textos podem ser copiados, desde que citado o nome da autora

site desenvolvido pela wwsites - sites para escritores